Por dentro da Efí

Como planejar um e-commerce de sucesso?

Criado em 9 de out. de 2014

(Atualizado em 9 de out. de 2014)

O planejamento de um e-commerce é igual ao planejamento de qualquer empresa: precisa-se de um conhecimento aprofundado sobre o mercado e de uma boa dose de autocrítica. Com essas armas em punho, você pode partir para a busca das informações necessárias para a construção do seu plano de negócios, que vai fornecer as diretrizes da sua estratégia e da condução do seu e-commerce. Quer saber o passo a passo de um planejamento bem feito? Então confira:

Pesquisa de mercado

A pesquisa de mercado é uma etapa muito importante no planejamento do seu e-commerce, pois é ela que vai dizer se realmente existe demanda para o seu negócio. Com essa avaliação você vai poder verificar quem é seu público-alvo, que tipo de solução ele procura e o nível de aceitabilidade dele com relação ao seu e-commerce.

Você pode se valer de uma análise SWOT para avaliar o seu mercado. Esse exame divide seu planejamento em quatro quadrantes principais: forças, fraquezas, oportunidades e ameaças. As forças e fraquezas são voltadas para uma avaliação interna do seu e-commerce, elencando quais são os diferenciais competitivos do seu negócio — preço, qualidade e agilidade na entrega, por exemplo — e quais são os pontos em que você precisa investir para melhorar o seu serviço — segurança de dados e plataforma, por exemplo. Já as ameaças e oportunidades são focadas em uma análise externa, visando um conhecimento detalhado do que pode contribuir positivamente para o sucesso do seu e-commerce e o que pode vir a ameaçá-lo — como, por exemplo, uma recessão.

Análise da concorrência

Conhecer quem são os seus concorrentes, como eles agem e onde investem seus esforços permite que você não perca tempo errando para depois acertar em determinados campos. É um trabalho de reconhecimento, por meio do qual você identifica o que seu concorrente faz bem e o que faz mal, procurando diferenciar-se dele no mercado.

Planejamento financeiro

Nessa etapa é preciso atenção redobrada! No plano de negócios você deve prever o fluxo de caixa por um período mínimo de cinco anos, assim como o capital de giro necessário para esse período, antecipando o ideal de vendas, as taxas de inadimplência e todos os custos envolvidos na criação do seu e-commerce. Você deve, ainda, calcular seu ponto de equilíbrio, quando as receitas passam a pagar completamente as despesas.

Fazer o planejamento financeiro do seu e-commerce garante um investimento com consciência, sem surpresas desagradáveis no decorrer da sua atividade.

Logística

No e-commerce, a logística é um ponto crítico, que pode ser tanto um diferencial competitivo quanto uma barreira para o crescimento do seu negócio. Prever exatamente como o fluxo de produtos se dará até chegar à casa do cliente é essencial para que você tenha um bom atendimento e cumpra os prazos estabelecidos na hora da compra. Investir em canais alternativos de distribuição — como motoboys por região, por exemplo — é uma medida a ser avaliada, tendo-se em vista os altos custos com transportadoras e afins.

Recursos humanos

Quantas pessoas são necessárias para manter o seu e-commerce em pleno funcionamento? Que tipo de formação elas devem ter? É preciso treiná-las? Qual a faixa salarial de cada um dos cargos a serem preenchidos? Essas são algumas perguntas que você terá que responder ao mensurar a quantidade de funcionários a serem contratados, assim como as despesas com salários e demais benefícios.

Marketing

O marketing na internet está se tornando um forte aliado dos e-commerces, porque o custo de ações de marketing digital se mostra muito menor do que os da mídia tradicional. Além disso, as pessoas consultam cada vez mais a rede para buscar produtos de consumo, tornando esse o ambiente ideal para se investir em ações de marketing.

Trace estratégias que atinjam o seu público-alvo de maneira assertiva, reduzindo o tempo de conversão de visitantes para leads e de leads para clientes. Você garante, assim, estabilidade econômica e financeira para o seu comércio, ficando mais tranquilo para criar novas formas de interação com sua clientela.

Planejar um e-commerce de sucesso requer que você destine um bom tempo na concepção de uma estrutura organizacional completa, que atenda à demanda existente e possa ser ampliada assim que você começar a expandir os seus negócios. Portanto, vá em busca de conhecimento teórico e prático, comprando livros sobre administração e gestão financeira, além de participar de eventos que contemplem esses assuntos. Só vai faltar a experiência de mercado, mas isso é só questão de tempo.

E aí, pronto para tirar as ideias do papel e transformá-las em realidade? Já começou seu planejamento? Comente aqui e compartilhe conosco seus projetos!

Compartilhe nas redes:

Gostou do que viu por aqui?

Cadastre-se para receber os melhores conteúdos exclusivos sobre tecnologia de pagamentos e gestão, para alavancar de vez os seus negócios.