Marketing e Vendas

Como gerar link de pagamento para receber por cartão de crédito sem maquininha? Entenda!

Criado em 9 de fev. de 2021

(Atualizado em 7 de dez. de 2023)

Se você está começando a vender online e ainda não encontrou uma solução de confiança para receber dos seus clientes, precisa aprender como gerar link de pagamento.

Esse recurso, como o próprio nome já sugere, gera links que direcionam os clientes direto para uma página de pagamento – como uma espécie de maquininha virtual. Lá, em ambiente protegido, eles escolhem como te pagar: à vista por boleto ou a prazo por cartão de crédito.

Com poucos cliques e sem gastar muito, você consegue profissionalizar o seu negócio e, por consequência, aumentar o faturamento das vendas. Se você se interessou por esse assunto, continue aqui que te contaremos todos os detalhes e vantagens dessa ferramenta!

Antes de te contar como gerar link de pagamento, vamos entender o que é esse recurso?

Imagine só receber por cartão de crédito dos seus clientes sem precisar de maquininha? Se você ainda não conhece, isso já é possível com os pagamentos por link. 

Em síntese, o link de pagamento é um facilitador para vendas virtuais e prestadores de serviço. O cobrador consegue criar, de forma fácil, um link de cobrança único, que pode ser compartilhado com o cliente por mensagem, e-mail, direct do Instagram ou WhatsApp, por exemplo. Assim, fica mais fácil vender pelas redes sociais, sem precisar necessariamente de um e-commerce ou loja física. 

Mas se engana quem pensa que esse recurso só é indicado para empresas online. Na verdade, o link de pagamento pode ajudar  – e muito! – a fechar uma venda que não foi concluída em uma loja física, por exemplo. Suponha que um cliente conheceu o seu produto, fez o orçamento, mas não concluiu a compra na sua loja. Com a opção de link de pagamento, caso ele mude de ideia, pode seguir com a compra no conforto de casa. 

Outro uso muito comum é em redes de delivery: você envia o link, o cliente efetua o pagamento e o motoboy faz a entrega sem precisar de uma maquininha. 

Vale lembrar que para usar esse recurso é preciso escolher uma plataforma de meios de pagamentos, como a Efí Pay, que ofereça essa funcionalidade!  

💡Outras opções práticas para o seu negócio

Assinaturas

A assinatura é uma modalidade de pagamento que permite realizar cobranças recorrentes. Pense no Spotify, na Netflix ou na sua TV por – isso mesmo! – assinatura. Revistas e jornais, por exemplo, também vendem por assinatura há anos. 

A assinatura é como um link de pagamento enviado em uma periodicidade programada. Geralmente, esse modelo de cobrança é mensal, mas os intervalos podem variar entre bimestral, trimestral, semestral e até anual.

Botão de pagamento

Por outro lado, para quem tem um site e não possui muito domínio de programação, o botão de pagamento também é uma excelente opção. Ele funciona de forma similar ao link de pagamento, mas pode ser usado em mais de uma transação e tem um apelo mais visual

Para usá-lo, basta configurar os métodos de pagamento que deseja disponibilizar ao cliente, copiar o código HTML que será gerado e adicionar em qualquer post ou página do seu site. Você pode mudar o estilo, a cor, o ícone e o tamanho do botão. Veja, na prática, como fica:

Checkout transparente

Já o checkout transparente é indicado para negócios que buscam oferecer uma experiência de pagamento mais agradável e protegida, sem redirecionamentos no site.

A grande vantagem é que esse recurso diminui a taxa de desistência dos clientes, que muitas vezes abandonam a compra por causa de problemas de conexão, falta de tempo ou desconfiança ao sair do site original.

💡Anota a dica: na Efí Pay, você tem acesso a diversas formas de pagamento com emissão gratuita e cobrança apenas no recebimento. Além disso, você pode integrar as nossas APIs e automatizar todo o processo de recebimento. Acesse o link abaixo para saber mais!

Experimente a Efí Pay


Como já comentamos, esse recurso é um facilitador na hora de receber de clientes. Então, não tem muito segredo sobre como funciona ou como gerar link de pagamento! 

Resumidamente, você configura a cobrança, gera o link e envia para o seu cliente. A partir daí, o cliente é direcionado para a tela de pagamento, onde vai concluir a compra. Inclusive, este é um assunto que vamos falar com mais detalhes já, já! 

De toda maneira, é na tela de pagamento que o comprador fornece os dados pessoais e e efetua o pagamento.

Se seu cliente pagar via boleto, a plataforma devolverá, automaticamente, um código de barras. Por outro lado, se ele pagar via cartão de crédito, precisará informar os dados do cartão e o número de parcelas. 

Lembrando que é você quem escolhe quais opções estarão disponíveis no link de pagamento: boleto, cartão de crédito ou ambos.

Muitas Instituições de Pagamento, como a Efí, permitem não só definir as opções de recebimento, como também detalhes sobre número de parcelas, prazo de expiração do link, data de vencimento para a cobrança e possibilidade de juros para pagamento atrasado. 

Personalização de tela de pagamento!

Lembra que te falei sobre a tela de pagamento? Então, essa tela é o ambiente de pagamento para onde o cliente será direcionado. 

Em alguns casos, como na Efí, é possível personalizar as telas trocando as cores dos botões e inserindo o logotipo da sua empresa. Essa vantagem deixa o seu negócio ainda mais profissional, ajuda a reforçar a identidade da sua marca e dá mais segurança para o cliente de que ele está pagando a empresa certa.

Veja também: Quais as boas práticas ao gerar uma cobrança?

Facilidade para cobrar à distância

O link de pagamento é a carta na manga para quem quer aumentar o faturamento e deixar o negócio mais versátil para o cliente. Afinal, esse recurso dispensa a necessidade de maquininha, e-commerce ou loja física e ainda facilita a venda do produto pela internet

Perceba, é muito comum encontrar lojas virtuais, principalmente no Instagram, que perdem oportunidades de venda porque não oferecem uma opção de pagamento adequada para o cliente ou uma abordagem mais profissional e transparente. 

Quem trabalha apenas com transferência e depósito, por exemplo, tem dificuldade em converter clientes que pagariam parcelado no cartão de crédito ou que confiam mais no boleto bancário.

Logo, quanto mais variedade você garante nas formas de pagamento, mais portas você abre para o cliente. Desse modo, fica mais fácil aumentar o faturamento e evitar desistências

Mais controle sobre o fluxo de pagamentos

Outra vantagem é que o link de pagamento permite acompanhar com mais assertividade o fluxo de caixa, a partir de notificações de cada valor recebido. 

Ou seja, você pode consultar todos os detalhes sobre a compra: o valor total, a forma de pagamento escolhida e o histórico da transação. Lembrando que isso pode variar de acordo com a plataforma de pagamentos escolhida por você.

Mais segurança para você e seu cliente

Por fim – e não menos importante, o link de pagamento é uma forma segura para receber valores pela internet, uma vez que é uma ferramenta oferecida por plataformas de pagamento. 

A Efí, por exemplo, é uma Instituição de Pagamento autorizada pelo Banco Central e certificada pela PCI-DSS (Payment Card Industry – Data Security Standard), que investe todos os recursos necessários para proteger as transações via cartão. 

Veja como funciona o nosso sistema antifraude e na sequência, aprenda como gerar link de pagamento na Efí!

Se você gostou dessa modalidade e ficou interessado em incorporá-la no seu negócio, temos uma boa notícia! Na Efí tem como gerar link de pagamento e várias outras opções: Pix, boletos, carnês, assinaturas e muito mais!

Tudo o que você precisa fazer é abrir uma conta na modalidade Efí Pro (negócios sem CNPJ) ou Efí Empresas (negócios com CNPJ).

Tanto o download do app quanto o processo de abertura são gratuitos. E você ainda pode escolher por onde vai gerenciar suas finanças: pela plataforma web ou pelo aplicativo para celular. Prático, não é mesmo? 

  1. Pelo app ou plataforma web, acesse o menu “Receber (Cobranças)” → ”Emitir cobrança”.
  2. Depois, escolha a opção “Link de pagamento”.
  3. Siga as instruções que vão aparecer na tela.
  4. Clique em “Emitir link de pagamento”.

Simples assim! Depois disso, seu cliente receberá a cobrança no e-mail informado. Você também pode compartilhar a URL pelas redes sociais – fica a seu critério. 

Importante! Caso o cliente pague por cartão de crédito, você pode escolher:

  • receber o valor total da venda parcelada, com cobrança de juros para você ou seu cliente;
  • ou receber parcelado, sem a cobrança de juros.

Vale destacar que essa configuração deve ser feita na conta, antes de gerar o link de pagamento. 

Economia é palavra-chave quando o assunto é Efí. Portanto, se sua preocupação eram as tarifas dos links de pagamento, pode ficar tranquilo. 

Aqui, você não paga para emitir cobranças. As tarifas só incidem sobre os seus recebimentos, mas já adianto que são bem acessíveis.

Para boletos, a disponibilização do valor é imediata após a confirmação do pagamento. Já nas vendas parceladas por cartão, você pode escolher receber o valor total de uma única vez em até 2 dias úteis. Se você é pessoa física, o prazo é de até 21 dias úteis. 

Essa vantagem é muito importante para manter o seu negócio sempre girando. Sabemos que tudo o que um empreendedor quer é agilidade para movimentar o dinheiro, não é mesmo? Afinal, precisa pagar as dívidas, os funcionários e repor o estoque da loja. 

Viu como gerar link de pagamento é fácil? Essa escolha possibilita receber de forma rápida, segura e econômica. Então, Abra sua conta grátis e aproveite todas as nossas soluções!

Compartilhe nas redes:

Gostou do que viu por aqui?

Cadastre-se para receber os melhores conteúdos exclusivos sobre tecnologia de pagamentos e gestão, para alavancar de vez os seus negócios.