Pix

O Pix Garantido vai substituir o cartão de crédito? Respondemos as principais dúvidas

Criado em 3 de nov. de 2022

(Atualizado em 29 de jun. de 2023)

Que o Pix é um sucesso, não há como negar: o Brasil já ocupa o 5º lugar entre os países com mais transações em tempo real do mundo. Mais de 50% da população já usou o Pix pelo menos uma vez e, em 1 ano, o pagamento instantâneo superou os cartões de débito e crédito como principal meio de pagamento.

Atento a isso, o Banco Central tem apostado em projetos que continuem evoluindo o pagamento instantâneo e inovando o mercado financeiro, como o Pix Cobrança, o Pix Saque e Pix Troco e, agora, o Pix Garantido — que vai funcionar como um cartão de crédito.

Para deixar você por dentro de tudo, respondemos as principais dúvidas sobre essa nova modalidade. Vem com a gente! ?

O que é Pix Garantido?

É mais uma extensão do pagamento instantâneo. Essa nova modalidade vai funcionar como um cartão de crédito. Isto é, vai permitir que você faça compras parceladas e agende pagamentos recorrentes por meio do Pix, independente de ter saldo na conta ou não. Legal, né?

Na prática, o banco ou conta digital vai confiar que esse valor será devolvido na data agendada. Ou seja, você terá um prazo entre o dia da compra e o dia do pagamento.

Se no dia do pagamento, você ainda estiver sem saldo na conta, a instituição financeira vai garantir o pagamento do recebedor — por isso o nome: Pix Garantido. Isso pode envolver ou não a cobrança de juros por parte da instituição em cima do valor que você estiver devendo.

Como vai funcionar?

A ideia é que o Pix Garantido conte com instituições financeiras habilitadas pelo Banco Central para intermediar a transação e dar segurança nos pagamentos. 

Elas vão garantir que as parcelas sejam depositadas na data correta, mesmo que o cliente não tenha saldo disponível para quitar a dívida. 

Isso quer dizer que o vendedor ganha uma garantia de que receberá o pagamento no dia certo, independente de qualquer coisa. 

Em paralelo, os clientes têm acesso a uma linha de crédito, nomeada de “valor limite”, para fazer compras à vista ou em parcelas de até 24 vezes, mesmo sem dinheiro em conta. 

Pix Garantido e Pix Parcelado são a mesma coisa?

Apesar de terem propostas parecidas, o Pix Garantido e o Pix Parcelado não são a mesma coisa.

Na verdade, alguns bancos e fintechs anteciparam o plano do Banco Central e desenvolveram essa opção de parcelamento pelo Pix.

No Pix Parcelado, a empresa ou pessoa recebe o valor integral de forma instantânea, mas quem envia o dinheiro pode parcelar o pagamento. Existem, basicamente, duas formas de parcelar o Pix nessa modalidade: pelo cartão de crédito ou usando uma linha de crédito — que é tipo um empréstimo pessoal — com juros que variam de 2% a 3% ao mês. 

O Pix Garantido, por sua vez, não precisa estar atrelado a um cartão de crédito e é uma opção que será oferecida oficialmente pelo Banco Central. Além disso, ele pretende ser mais econômico para os usuários.

Em quais situações o Pix Garantido poderá ser usado? 

Simples: onde há necessidade de pagar a prazo ou com recorrência, há possibilidade de pagar com Pix Garantido.

Pense em algumas situações do cotidiano: 

  • contratar o plano de uma academia;
  • assinar uma plataforma de streaming;
  • parcelar um produto mais caro;
  • e até mesmo começar a pagar um aluguel sem caução — que é uma espécie de garantia para o locador.

Tudo isso sem precisar de um cartão de crédito!

Quais são as vantagens?

Bom, são várias:

  • essa nova modalidade vai atrair um novo público que não possui cartão de crédito, mas que quer fazer compras a prazo ou com recorrência. Isso pode fazer com que as vendas aumentem para os lojistas;
  • o Pix Garantido promete ser muito mais econômico que os cartões de crédito e maquininhas em termos de juros e taxas;
  • o lojista pode repassar essa economia nos custos operacionais para o preço final que o cliente paga. Ou seja, dar o famoso desconto em pagamentos pelo Pix Garantido;
  • essa opção também será uma boa alternativa para ser usada em situações emergenciais, em que o cliente não tenha um cartão de crédito e nem saldo em conta;
  • além de assegurar o recebedor, o Pix Garantido também será mais seguro para clientes. Afinal, não será necessário carregar o cartão físico por aí;
  • por fim, ele também será uma ótima opção de pagamento para manter o fluxo de caixa saudável, uma vez que o recebimento acontece na data marcada, sem atrasos. 

Quando essa modalidade vai entrar em vigor?

O Pix Garantido está em fase de concepção pelo BC, com previsão para ser lançado em 2023. 

O Pix Garantido vai substituir o cartão de crédito? 

Bom, ainda não existe uma resposta certa para essa pergunta. 

Mas em termos de vantagem, o Pix Garantido é um forte concorrente. Primeiro, pela praticidade de não precisar do cartão físico. Segundo, pela garantia de pagamento na data certa. E terceiro, por não cobrar taxas do recebedor.

O Pix Garantido é seguro?

Sim! Essa é uma modalidade que pertence ao Banco Central — órgão responsável por regular e supervisionar todo o Sistema Financeiro Nacional.

Para garantir a eficiência das operações, as instituições interessadas precisam obedecer a critérios rigorosos do Banco Central, que passam por certificações de segurança e testes homologatórios no ambiente “Pix Tester”.  

Gostou desse conteúdo? Aproveite para aprender como usar o Pix da Efí de forma manual pelo aplicativo ou de forma automatizada pela API Pix. Acesse o artigo completo!

Compartilhe nas redes:

Gostou do que viu por aqui?

Cadastre-se para receber os melhores conteúdos exclusivos sobre tecnologia de pagamentos e gestão, para alavancar de vez os seus negócios.